segunda-feira, 26 de maio de 2008

Beira Grande

Orago: Santo António
População: 300 habitantes
Actividades económicas: Agricultura e vitivinicultura
Festas e romarias: Santo António (13 Junho)
Património cultural e edificado: Igreja matriz, cruzeiro e ruínas do Casal
Outros locais de interesse turístico: Margens do rio Douro, miradouro do Casal e vinhas do Douro
Colectividades: Associação Cultural Desportiva e Recreativa de Beira Grande

Esta freguesia, encontra-se a dez quilómetros da sede de concelho.
O seu povoamento parece ser muito remoto. A toponímia, através do lugar de Vale de Martinho, indicia um povoamento que terá começado, pelo menos, na época romana. O povo, sempre atreito à explicação de lendas e tradições que vêm de longe, garante ainda hoje que um homem, ao colher figos a secar ao sol, tomaram-se em bolas de oiro.
Além disso, no cume onde se encontra a ermida de Nossa Senhora da Costa, que à frente caracterizamos, parece que existiu um castro importante na estrutura defensiva da região. Quanto à toponímia, Canais -sistema de pesca fluvial, Cachão – acidente do rio, e mesmo Beira Grande, têm evidente sentido geográfico. Há ainda um nome curioso, Gafaria, que tem origem medieval e está relacionado com um hospital de leprosos.

O nome da freguesia é explicado pelo historiador A. Almeida Fernandes, entre dúvidas e incertezas próprias de uma investigação histórica sobre Carrazeda ainda insuficiente: "A significação é obscura: beira, ou, como aparece no latinismo tabeliónico do tempo, "béria", significa já no século XII a fronteira ou região fronteiriça; mas o sentido não convém aqui, sendo Beira Grande topónimo comparável, nesta obscuridade de sentido, a Beira Valente - aliás os dois únicos no País neste sentido desconhecido. Quererá o vocábulo significar aqui a topografia - "beira" por "costa" (encosta) do monte?"

Fonte do texto: Dicionário Enciclopédico das Freguesias, 3.ºVolume, 1997

7 comentários:

Anónimo disse...

Associação Cultural, Desportiva e Recreativa de Beira Grande? Onde é que ela existe? Podia existir, podia, há uns anos até se falou para se por a funcionar para a população se reunir um bocadinho, o mais que não fosse aos domingos, só que até à data o Sr. Presidente da Junta de Freguesia nunca disponibilizou as chaves, vá lá que este ano já pôs herbicida nas ruas por duas vezes, deve ser da festa de Agosto que se aproxima...

Xo_oX disse...

O texto não é de minha autoria. Tenho quase a certeza que foi a Junta de Freguesia que, à data da feitura do livro, forneceu essa informação. Noto algum desânimo nas palavras do anónimo acima. Infelizmente este panorama não se passa só em Beira Grande. Em Zedes exitiu e existe uma associação cultural e desportiva que apenas se limita a gerir o bar que funciona na sede. Da cultura e do desporto parece que todos se esqueceram.

marlene disse...

eu como jovem e residente na aldeia de beira grande concorco com o anónimo que se devia de dar alguma fumcionalidade a dita Associação Cultural, Desportiva e Recreativa de Beira Grande...

bem eu tb comprendo k o mautor sdeste blog tenha trabalhado apenas com os dados fornecidos no "Dicionário Enciclopédico das Freguesias, 3.º Volume, 1997" mas encontram-se aki algumas gafes...

bem mas gafes a parte e devo felicitar o adaministrador deste blog porque esta bastente bom...
obrigado por divulgal td a beleza que as nossas terras trasmontanas têm...

alcino barros costa disse...

Desde 2008 que anónimo ainda têm razão, apesar de já ter ouvido qualquer comentário acerca de criarem qualquer espécie de associação para visarem unir mais a população, nunca chegou a passar de um comentário. Ainda que exista a comichão de festas que ainda disponibiliza um espaçozito com direito a consumos, nalgums domingos, não vejo mais nenhum outro evento "social" tirando as missas...

Por outo lado, axo que o que verdadeiramente precisa a aldeia, é de (pelo menos) uma outra lista de candidatos a presidência da junta de freguesia, pois só assim exisste escolha na altura de eleições... Claro que se não houver suficientes pessoas para a criação de outra lista, fico na esperança da naturalização de algums emigrantes de leste, habitantes nesta freguêsia e que tanta utilidade têm para a junta, como para aplicar herbicidas...

mireia disse...

olá, eu nao ocnheço beira grande, mais tinha um amigo que me falou que era um lugar muito bonhito pra morar e que facia muita produçao de vinho porto, eu nao sou de portugal, mais pra mim foi muito especial no seu tempo, ja que é um poblo com 300 habitantes pode ser que conheçan ele. o seu nome é Alcino Barros, eu gostaria saber o que aconteceu com ele.Falem pra ele porfavor,faç muitos anos que eu fico procurando.Obrigada

Jorge de Sequeira disse...

"À Descoberta de Carrazeda de Ansiães" é o que estou a fazer. Beira Grande é uma aldeia de encantar. Merece ser visitada. Muitos portugueses não sabem "passear" no nosso "Portugal Desconhecido". Vão para as Caraíbas, vão para a Indochina... e lindas terras que Portugal tem ficam esquecidas.
Vamos "À Descoberta de Carrazeda de Ansiães"?
Estou a caminho da 3.ª Idade. Peço a todos os jovens (qualquer que seja a idade somos todos jovens) que lutem para bem das terras onde nasceram ou de onde são amigos.
Esperanças no futuro. O Futuro de Portugal.

xis disse...

boas....e verdade se houvesse outra lista , haveria mais escolhas....mas nao do PS porque nunca ganharia....porqque nao uma do CDS ou mesmo independente...